22 julho 2007

So much for monogamy....

Vocês lembram disso aqui?

Se tiver preguiça de clicar, explico: alguns têm mania de atribuir características humanas a animais e vice-versa, na tentativa de criar modelos de comportamento. Um desses modelos inatingíveis, talvez o maior mito da civilização ocidental, é o do amor monogâmico, "personificada" para alguns no exemplo do pingüim.

O pingüim, vale lembrar, é o power animal do Jack.

Qua-quara-qua-qua...parece que também os relacionamentos esfeniscídeos sofrem das tentações da carne. Os bichinhos recorrem até à prostituição!! (Clique aqui para uma versão não acadêmica do texto)

A notícia certamente virá como alívio à consciência de muitos outros além de mim.

2 comentaram:

Luisfel disse...

de casa te mando um texto sobre monogamia e evolução que é beeeeeem interessante.

Camburizinho disse...

Qualquer inferência sobre uma prática a partir de sua importância ou não para evolução parte do pressuposto de que todos temos essa urgência de reproduzir e deixar à humanidade o legado de nossa miséria...não sei se compartilho isso...